Como manter o clareamento dentário a laser por mais tempo?
24 de maio de 2017
Evitar alguns alimentos após o clareamento dental a laser traz benefício
24 de maio de 2017
Show all

Saiba qual a idade certa para realizar clareamento dental a laser 

Dentes brancos e perfeitos é o sonho de qualquer um. E muitas pessoas, que não conseguem o resultado certo apenas com higiene bucal, acabam buscando o clareamento dental a laser. Mas qual a idade certa para fazer esse tipo de tratamento?

O mercado de ortodontia oferece diversos profissionais que estão prontos para atender aos pacientes, proporcionando o melhorar tratamento de clareamento dental a laser. Mas existe uma idade certa para isso.

Como sabemos, o clareamento dental a laser é uma dessas ajudas que pode mudar a vida da pessoa, dando um sorriso perfeito e o branco ideal, e por isso alguns jovem escolhem esse tratamento a fim de serem aceitos na sociedade ou por achar que seus dentes não estão adequados com os padrões.

Mas precisa ser analisa a fase certa e entender que algumas idades possuem contraindicações.

Idade certa para realizar o clareamento dental a laser

A odontologia se tornou um dos maiores aliados na busca por uma melhor qualidade de vida, porque se entende que com boa aparência é possível conseguir mais coisas e se sentir melhor quando olha no espelho.

Seja por dentes manchados ou amarelados, sempre tem alguém insatisfeito com seu sorriso. É para elas que o clareamento dental a laser existe.

Os especialista dizem que pacientes muito jovem (abaixo dos 15 anos) devem evitar o clareamento dental, seja ele caseiro ou a laser. Isso porque pode afetar a estrutura do dente e vir a prejudicar a dentição.

Também, as gravidas devem esperar o nascimento dos bebês para depois buscar um tratamento de clareamento dentário.

Já quem possui restaurações dentárias ou prótese, são orientados quanto à necessidade de refazer os trabalhos após o clareamento, já que os dentes vão clarear e os materiais restauradores não.

Conheça o clareamento dental a laser  

O dente possui pigmentos em seus tecidos superficiais e profundos. Estes pigmentos vêm principalmente da dieta rica em corantes. O agente clareador é capaz de penetrar na estrutura dental e reagir quimicamente com estes pigmentos, quebrando-os em moléculas muito menores, que refletem a luz de maneira diferente – e podem inclusive ser difundidos para fora da estrutura dental, causando a diferença visual de dentes mais claros.

Nesse caso, o jovem é preciso procurar um dentista que vai avaliar qual é o tipo de mancha e se ela pode ser clareada e qual o procedimento, além do clareamento, pode ser feito nesse caso

Tenha em mente que os dentes, assim como outras áreas do corpo, também envelhece. Ou seja, com o tempo, eles começam a sofrer modificação na sua coloração, agregada ao uso de alguns produtos como refrigerantes,  chás, alimentação errada ou ao fumo.

Assim, mesmo não tendo a idade certa para o clareamento, o jovem já pode começar a fazer mudanças que terão resultados a longos prazos.

Troque o clareamento dental por mudanças de hábitos

Algumas mudanças de hábitos podem ajudar no clareamento natural do dentes.

O que acha de deixar de lado por um bom período o refrigerante, chá, café, alimentos com corantes e etc.?

Isso não só vai contribuir para dentes mais brancos como também uma melhor condição de saúde.

Além disso, se você fuma, tente largar o vício. Os dentes são sensíveis a qualquer fator externo, e o cigarro possui componentes que prejudica as resinas dentários, causando o amarelamento.

Assim, a idade certa para o clareamento tem que estar relacionado ao processo pós puberdade. Depois que todos os dentes estiverem pronto e entrar na faze adulta, a pessoal pode vir a buscar um tratamento. Mas quem sabe você já tenha feito as mudanças necessárias até lá e com isso não precisa de tratamento de clareamento!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *